Revista Eu Amo Caminhão: Copa Truck e TCR South America se unem para grande encontro em Goiânia



A Copa Truck, maior campeonato de caminhões da América Latina, e o TCR South America, mais novo campeonato sul-americano de carros de turismo, anunciam que compartilharão o circuito de Goiânia (GO) em um evento conjunto nos dias 22 e 23 de maio, formando uma incrível maratona de corridas que também incluirá a Copa Shell HB20 e o GT Sprint Race.


“Recebemos no final do ano passado um contato do Mauricio Slaviero, responsável pelas etapas brasileiras do TCR South America, propondo fazer a etapa inaugural junto com a Copa Truck. Imediatamente aceitamos a ideia, pois, para nós, será uma honra receber aqui a estreia desta categoria que já faz sucesso em diversos países do mundo”, destaca Carlos Col, CEO da Mais Brasil Esportes, organizadora do evento.


Mauricio Slaviero, promotor do TCR South America no Brasil, acrescenta ser muito importante para a TCR poder estrear seu campeonato junto com um evento do porte da Copa Truck, especialmente neste formato de um grande festival de velocidade, que acontecerá em Goiânia:


“Gostaria de agradecer ao Carlos Col por toda a parceria e esforço para viabilizarmos esse evento em conjunto”, afirma




Inicialmente, estavam previstas oito corridas em dois dias de atividades. Enquanto o TCR faria as provas de abertura da temporada inaugural em Goiânia, a Copa Truck realizaria sua terceira etapa, após disputa de uma fase dupla em Curitiba (PR) nos dias 10 e 11 de abril. Mas, por conta do agravamento da pandemia de Covid-19 em todas as regiões do país no mês de abril, a Mais Brasil Esportes decidiu seguir o mesmo caminho dos outros campeonatos esportivos do país e adiou o início de sua temporada marcada para acontecer em solo curitibano.


De acordo com os organizadores, no ano passado, a Copa Truck foi pioneira ao criar um eficiente protocolo para eventos automobilísticos que serviu de exemplo para todas as outras categorias do Brasil. No entanto, o cenário em abril estava mais grave: os hospitais com 100% de ocupação e muitos pacientes na fila de espera por um leito de UTI. Assim, mesmo criando um ambiente seguro dentro do autódromo, através da aplicação de seu rígido protocolo de prevenção contra a Covid, a categoria optou pelo adiamento.


“A decisão veio após consultas às autoridades do município de Pinhais, onde está localizado o autódromo, e concordamos que o melhor cenário seria o adiamento”, comenta Carlos Col, CEO da Mais Brasil Esportes, e completa:



“O evento deverá ser remanejado, em local a ser definido, para setembro, mês em que não tínhamos nenhuma etapa programada. Manteremos o cronograma de nove etapas disputadas em sete eventos. Com isso, a segunda etapa do calendário inicial prevista para Goiânia, passa a ser a primeira. Certamente será um fim de semana histórico para o automobilismo, proporcionando um grande festival de velocidade para os telespectadores amantes deste esporte”.


Fonte: Revisa Eu Amo Caminhão


0 visualização0 comentário